VIRTUAL - ANVISA - Técnico em Vigilância Sanitária - Nível Médio - Completo

R$ 739,00

  • VÍDEO DE DEMONSTRAÇÃO

    Este vídeo é um teste para você verificar se sua internet e equipamentos atendem aos requisitos para assistir nossos cursos. Seja bem-vindo(a) e bons estudos.

Descrição

   

Sobre o IFAR

O IFAR é o curso mais TRADICIONAL e o que MAIS APROVA na área de SAÚDE e outros ESPECÍFICOS, desde 2005.

Confira nossos resultados: 
- 1º lugar SES/DF 2014.
- 1º e 2º colocados ANVISA 2013.
- 1º e 2º colocados ATPS MPOG Saúde 2012.
- 1º Lugar Ministério da Saúde 2009.
- 1º colocado Farmacêutico SES/DF 2006 e 2011.


E ainda:
1º lugar Perito PF 2013, 
1º ao 9º lugar perito PCDF 2012;
1º lugar geral Perito PCDF/2008, - nesse concurso o IFAR aprovou 17 peritos, sendo 5 entre os 10 primeiros colocados.
76% de aprovação no concurso da SES-DF em 2011
Três 1º lugares para dentista da PMDF.
1º lugar SES/DF 2014 em diversas áreas: Odontologia, Farmácia, Fisioterapia, Biomedicina entre outras, com um índice de aprovação superior a 60%.
1º e 2º colocados ANVISA 2013. (maioria dos aprovados do IFAR).
1º e 2º colocados ATPS MPOG Saúde 2012. (maioria dos aprovados do IFAR).
1ª lugar Perito PCDF/2011 – nesse concurso, aprovamos 23 peritos.
1º lugar Ministério da Saúde 2009. (maioria dos aprovados do IFAR).
1º lugar Farmacêutico SES/DF 2006. (maioria dos aprovados do IFAR).
Entre outros milhares de aprovados e nomeados na área PERICIAL.



Sobre o Curso


1. Carga horária total: 300 h/a
2. Composição do curso: videoaulas 
3. Início: Imediato
4. Duração do acesso ao curso: 120dias. 
5. Adequação do conteúdo ao previsto no edital: As aulas são montadas pelo professor da disciplina e os conteúdos são por ele selecionados considerando a relevância da informação disposta no edital.
6. Contato com a coordenação: cursos.ifar@gmail.com
7. Exercícios: a quantidade de questões resolvidas em cada videoaula é definida pelo professor em função da conveniência e da necessidade imposta pelo conteúdo.
8. Material didático do curso: apostila em pdf com os slides da aula ministrada.

Os vídeos possuem duração aproximada de 30 minutos. Cada aula pode ser visualizada por cinco vezes. A aula é considerada como visualizada a partir do encerramento do vídeo ou da finalização da sessão na qual o aluno está conectado ao ambiente do curso. Não é possível o acesso de dois IPs simultaneamente (utilizando o mesmo usuário)

 

 

SOBRE O INSTITUTO: A ANVISA é a Agência Nacional de Vigilância Sanitária que é uma agência vinculada ao Ministério da Saúde. Ela foi feita como uma autarquia e tem como objetivo controlar, e regular a área sanitária de serviços e produtos, sejam eles nacionais ou importados.


Sobre o Concurso



ESTUDE NO IFAR! 

O CURSO QUE APROVOU 8 ENTRE OS 10 PRIMEIROS COLOCADOS NO CONCURSO ANVISA 2013.

* Os melhores professores;

* O melhor ambiente de sala da aula;

* Histórico de aprovações na ANVISA.

* Edital do Concurso de 2013:Clique aqui


Conteúdos

 


CONHECIMENTOS BÁSICOS

1) Língua Portuguesa

   1. Compreensão e interpretação de textos.
   2. Tipologia textual.
   3. Ortografia oficial.
   4. Acentuação gráfica.
   5. Emprego das classes de palavras.
   6. Emprego do sinal indicativo de crase.
   7. Sintaxe da oração e do período.
   8. Pontuação.
   9. Concordâncias nominal e verbal.
   10. Regências nominal e verbal.
   11. Significação das palavras.
   12. Redação de textos técnicos (ABNT).
   13. Coesão e coerência.

 

2) REDAÇÃO OFICIAL

    1. Manual de Redação da Presidência da República: Parte I – As Comunicações Oficiais – Capítulos I e II.

 

3) RACIOCÍNIO LÓGICO E QUANTITATIVO

  1. Estruturas lógicas.
  2. Lógica da argumentação.
  3. Raciocínio sequencial.
  4. Números e grandezas direta e inversamente proporcionais;
    4.1 Razões e proporções;
    4.2 Divisão proporcional;
    4.3 Regras de três simples e composta.
  5. Porcentagem.
  6. Juros.
  7. Princípios da contagem.
  8. Sistema legal de medidas.
  9. Gráficos.

 

4) ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO

    1. Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal: Decreto nº 1.171, de 22 de junho de 1994.

    2. Código de Ética da Anvisa – RDC

 

5) NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO

  1. Administração direta e indireta, centralizada e descentralizada.
  2. Ato administrativo: conceito, requisitos, atributos, classificação e espécies.
  3. Poderes administrativos: poderes hierárquico, disciplinar, regulamentar e de polícia; uso e abuso do poder.
  4. Licitação: princípios, dispensa e inexigibilidade; modalidades.
  5. Controle e responsabilização da administração: controles administrativo, judicial e legislativo; responsabilidade civil do Estado.
  6. Lei nº 8.112/1990 (regime jurídico dos servidores públicos civis da União): títulos II, III e IV.

 

6) NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

  1. Constituição de 1988: Princípios Fundamentais (art. 1º ao 4º);

        1.1 Dos Direitos e Garantias Fundamentais (art. 5º ao 17);

        1.2 Da Organização do Estado (art. 18 ao 43);   

        1.3 Da Organização dos Poderes; 

        1.4 Da fiscalização Contábil e Financeira (art. 70 a 75);   

        1.5 Do Poder Executivo (art. 76 ao 88);

        1.6 Da tributação e Orçamento (art. 145 a 169);

        1.7 Da Saúde (art. 196 a 200).

 

 

7) NOÇÕES DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA E SAÚDE PÚBLICA

  1. Evolução da vigilância sanitária no Brasil.
  2. Vigilância Sanitária;
    2.1 Conceitos básicos;
    2.2 Áreas de abrangência;
    2.3 Funções.
  3. Lei nº 9.782/1999 e suas alterações – Define o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária, cria a Agência Nacional de Vigilância Sanitária e dá outras providências.
  4. Decreto nº 3.029/1999 e suas alterações – Aprova o regulamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e dá outras providências.
  5. Regimento Interno da Anvisa.

 

8) ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, NOÇÕES DE REGULAÇÃO E AGÊNCIAS REGULADORAS

  1. Conceitos de Estado, governo e Administração Pública.
  2. Princípios da Administração Pública.
  3. Políticas Públicas.

 

 

9) NOÇÕES DE REGULAÇÃO E AGÊNCIAS REGULADORAS

  1. Regulação e agências reguladoras: As agências reguladoras e o princípio da legalidade. Órgãos reguladores no Brasil: histórico e característica das autarquias. Abordagens: teoria econômica da regulação, teoria da captura, teoria do agente principal. Formas de regulação: regulação de preço; regulação de entrada; regulação de qualidade. Princípios de qualidade regulatória, boas práticas de governança regulatória, noções de avaliação de impacto regulatório. Regulação setorial: regulação sanitária.

 

 

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS TÉCNICO EM REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA – ÁREA 1

 

1) NOÇÕES DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA E SAÚDE PÚBLICA

     1. Evolução da vigilância sanitária no Brasil.

     2. Vigilância Sanitária; 2.1 Conceitos; 2.2 Áreas de abrangência; 2.3 Funções.

     3. Lei nº 9.782/1999 e suas alterações – Define o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária, cria a Agência Nacional de Vigilância Sanitária e dá outras providências.

     4. Decreto nº 3.029/1999 e suas alterações – Aprova o regulamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e dá outras providências.

     5. Instrumentos de ação da vigilância sanitária.

     6. Lei nº 6.360/1976 e suas 37 alterações – Dispõe sobre a vigilância sanitária a que ficam sujeitos os medicamentos, as drogas, os insumos farmacêuticos e correlatos, cosméticos, saneantes e outros produtos, e dá outras providências.

     7. Decreto nº 79.094/1977 e suas alterações – Regulamenta a Lei nº 6.360/1976, que submete ao Sistema de Vigilância Sanitária os medicamentos, insumos farmacêuticos, drogas, correlatos, cosméticos saneantes e outros.

     8. Lei nº 6.437/1977 e suas alterações – Configura infrações à legislação sanitária federal, estabelece as sanções respectivas, e dá outras providências.

     9. Lei nº 5.991/1973 e suas alterações – Dispõe sobre o controle sanitário do comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos, e dá outras providências.

     10. Decreto nº 74.170/1974 e suas alterações – Regulamenta a Lei nº 5.991/1973, que dispõe sobre o controle sanitário do comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos.

     11. Classificação regulatória dos medicamentos no Brasil.

     12. Boas Práticas de Fabricação – BPF: definições; evolução; aspectos gerais; sanitização e higiene; qualificação e validação; reclamações; recolhimento de produtos; contrato de produção e/ou análise; autoinspeção e auditorias de qualidade; pessoal; treinamento; higiene pessoal; instalações; equipamentos; materiais; documentação; boas práticas de produção; boas práticas de controle de qualidade e produtos estéreis; garantia da qualidade.

     13. Inspeção sanitária: aspectos gerais, conceito, finalidade, características, etapas para realização de uma inspeção, procedimentos, processo de condução, tipos de inspeção para fins de certificação, investigação.

     14. Gerenciamento, Controle e Garantia da qualidade: conceitos, princípio da garantia da qualidade, fatores que afetam a qualidade do produto, requisitos para um sistema de qualidade, objetivo, requisitos básicos, gestão da qualidade, auditoria da qualidade. Sistema da qualidade e seus elementos, política da qualidade para fabricação e ciclo de vida de produtos à Vigilância Sanitária.

     15. Análise e gerenciamento de risco: conceito e caracterização do risco sanitário; Identificação do dano; dose-resposta; avaliação da exposição; ações corretivas político-administrativas no âmbito do sistema de saúde, serviço e impacto na sociedade (o que fazer, planejamento, procedimentos, avaliação da exposição do risco, consequências econômicas, políticas e sociais), incerteza da avaliação; decisão e ação; política da comunicação; Identificação do dano e suas causas, diferença entre risco, incerteza e erro; Monitoramento dos fatores de risco.

 

2) POLÍTICAS DE SAÚDE E SAÚDE PÚBLICA

      1. Lei nº 8.080/1990 e suas alterações – Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências.

      2. Decreto nº 7.508/2011 e suas alterações – Regulamenta a Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, para dispor sobre a organização do Sistema Único de Saúde – SUS, o planejamento da saúde, a assistência à saúde e a articulação interfederativa, e dá outras providências.

      3. Organização e funcionamento do Sistema Único de Saúde – SUS.

      4. Lei nº 8.142/1990, de 28 de dezembro de 1990 – Dispõe sobre a participação da comunidade na gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) e sobre as transferências intergovernamentais de recursos financeiros na área da saúde e dá outras providências.

      5. Lei Complementar nº 141 – Regulamenta o § 3º do art. 198 da Constituição Federal para dispor sobre os valores mínimos a serem aplicados anualmente pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios em ações e serviços públicos de saúde; estabelece os critérios de rateio dos recursos de transferências para a saúde e as normas de fiscalização, avaliação e controle das despesas com saúde nas 3 (três) esferas de governo; revoga dispositivos das Leis nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, e nº 8.689, de 27 de julho de 1993, e dá outras providências.

      6. Principais doenças que afetam a população brasileira: caracterização, prevenção e profilaxia.

 

 

3) BIOLOGIA

    1. Estrutura e fisiologia celular.

    2. Principais tecidos animais.

    3. Noções sobre células-tronco, clonagem e tecnologia do DNA recombinante.

    4. Aplicações de biotecnologia na produção de alimentos, fármacos e componentes biológicos.

    5. Aspectos genéticos do funcionamento do corpo humano.

    6. Embriologia, anatomia e fisiologia humana.

    7. Antígenos e anticorpos.

    8. Virologia.

    9. Principais doenças que afetam a população brasileira: caracterização, prevenção e profilaxia.

    10. Técnicas de biossegurança.

    11. Microbiologia: morfologia de micro-organismos, métodos de contagem de micro-organismos, noções de desinfecção de materiais e meios.

    12. Noções de preparo e esterilização de material.

 

4) FÍSICA

    1. Dimensionamento de circuitos ou dispositivos elétricos de uso cotidiano.

    2. Relacionamento de informações para compreender manuais de instalação ou utilização de aparelhos, ou sistemas tecnológicos de uso comum.

    3. Sistema Internacional de Unidades.

    4. Grandezas fundamentais da mecânica: tempo, espaço, velocidade e aceleração. Relação histórica entre força e movimento.

    5. A hidrostática: aspectos históricos e variáveis relevantes.

    6. Carga elétrica e corrente elétrica.

    7. Campo elétrico e potencial elétrico.

    8. Resistência elétrica e resistividade.

    9. Relações entre grandezas elétricas: tensão, corrente, potência e energia.  

    10. Circuitos elétricos simples.

    11. Correntes contínua e alternada. Medidores elétricos.

    12. Representação gráfica de circuitos. Símbolos convencionais.

    13. Potência e consumo de energia em dispositivos elétricos.

    14. Feixes e frentes de ondas. Reflexão e refração.

    15. Instrumentos ópticos simples.

    16. Conceitos de calor e de temperatura.

    17. Transferência de calor e equilíbrio térmico.

 

4) QUÍMICA

  1. Evidências de transformações químicas.
  2. Número atômico, número de massa, isótopos, massa atômica.

  3. Reações químicas.

  4. Grandezas químicas: massa, volume, mol, massa molar, constante de Avogadro.

  5. Substâncias químicas: classificação e características gerais.

  6. Substâncias moleculares: H2, O2, N2, Cl2, NH3, H2O, HCl, CH4.

  7. Ligação covalente. Polaridade de moléculas.

  8. Relação entre estruturas, propriedade e aplicação das substâncias.

  9. Características gerais dos compostos orgânicos.

  10. Estrutura e propriedades de hidrocarbonetos.

  11. Fermentação.

  12. Estrutura e propriedades de compostos orgânicos nitrogenados.

  13. Macromoléculas naturais e sintéticas.

  14. Química na agricultura.

  15. Química na saúde.

  16. Química nos alimentos. 

  17. Química e ambiente.

 

5) MATEMÁTICA

     1. Relações entre grandezas e unidades de medida.

     2. Solução de situação-problema que envolva medidas de grandezas.

     3. Relação de dependência entre grandezas.

     4. Solução de situação-problema envolvendo a variação de grandezas, direta ou inversamente proporcionais.

     5. Utilização de informações expressas em gráficos ou tabelas para fazer inferências.

     6. Solução de problema com dados apresentados em tabelas ou gráficos.

     7. Análise de informações expressas em gráficos ou tabelas.

     8. Solução de problema que envolva conhecimentos de estatística e probabilidade

 

 

 



Fale conosco!
cursos.ifar@gmail.com 
(61) 3274-7777 | (61) 3347-9537 | (61) 3349-0201

{TITLE}

{CONTENT}

{TITLE}

{CONTENT}
Precisa de ajuda? Entre em contato!
0%
Aguarde, enviando solicitação!

Aguarde, enviando solicitação!